Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Promoção \ Iniciativas \ Artigo

AmamenTáxi: um cuidado para a Mulher Trabalhadora que Amamenta

Por: Prof. Marcus Renato de Carvalho, IBCLC

 /

AmamenTáxi:

empresa paga táxi para funcionárias que amamentam


 

                                  Para a mãe que volta a trabalhar depois da licença-maternidade, é desafiador manter a amamentação, especialmente se ela optar por voltar para casa ou ir até a escolinha no meio do dia para encontrar o bebê e alimentá-lo com o seu peito. E isso se complica ainda mais em cidades com tanto trânsito como São Paulo.

Mas, para apoiar essas mulheres, a agência Ogilvy lançou uma ação inovadora e muito sensível: em parceria com o aplicativo 99 táxi, a empresa vai custear o trajeto de ida e volta de suas funcionárias que forem amamentar seu bebê na hora do almoço.

O benefício, que foi divulgado nas redes sociais nessa quinta-feira, foi apelidado de Amamentáxi, é válido para a cidade de São Paulo no primeiro momento e deve ser mantido pelos três primeiros meses após a licença-maternidade da mulher.

Agora também está valendo para as Cidades do Rio de Janeiro e de Porto Alegre, nos três primeiros meses após os 4 ou 6 meses da licença-maternidade.

Segundo comunicação da agência, a ação busca incentivar o aleitamento materno, tão importante para garantir a saúde do bebê.

Fonte: Catraquinha e O Globo

Imagem: Reprodução

Apoio à mulher que trabalha e amamenta

foi tema da Semana Mundial do Aleitamento Materno em 1993 e em 2015

                           Conciliar a vida profissional com a amamentação não é uma tarefa fácil. Mesmo que a legislação tenha avançado em alguns pontos, como a licença maternidade facultativa de seis meses e o horário destinado à amamentação, a proteção ao direito ao aleitamento da mulher trabalhadora ainda não foi alcançado. Por essa razão, a Waba (World Alliance for Breastfeeding Action) foca seus esforços em procurar formas de facilitar o aleitamento materno para mulheres que trabalham.

Trabalhar e continuar amamentando é possível com apoio de toda a sociedade.

Parabéns por essa niciativa.

www.aleitamento.com

 

 

 


Última atualização: 5/5/2017

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
22 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital