Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

CHUPETAS e MAMADEIRAS ? ! ? !

Por: Dra. Fernanda Vogel Molina

 

 

PORQUE DEVEMOS EVITAR CHUPETAS E MAMADEIRAS.

 

                  Atualmente é bastante comum, principalmente nos consultórios dentários, ouvirmos pessoas relatando problemas relacionados a estalos e dores nas ATMs.

Para quem não conhece o termo, ATM significa aquela articulação próxima ao ouvido, chamada de Articulação Têmporo-Mandibular. Ela é responsável pelos movimentos que fazemos com a mandíbula, como a abertura, avanço, fechamento, retrocesso e lateralidades para esquerda e direta.

Costumamos dizer que todo recém-nascido é parecido, tem "carinha de joelho". Isso porque todos possuímos ao nascer o queixinho mais atrás.

A natureza é perfeita. Quando nascemos nossa mandíbula se encontra posicionada posteriormente à maxila. Nossa articulação (ATM) é plana, praticamente reta. Nessa fase, as fibras musculares do sistema mastigatório estão dispostas mais horizontalmente. Essa posição típica dos bebês favorece a retirada do leite materno, o vai e vem necessário para amamentação ideal.

Para se desenvolver, ganhar forma adequada e funcionar bem, sem estalos, desvios ou dores, a ATM depende dos movimentos que o bebê realiza com a boca. Depende diretamente da amamentação.

Dessa forma, desde o nascimento estamos modelando, fortalecendo, preparando nossa articulação para o trabalho de uma vida inteira; a mastigação, a fala e a postura corporal.

Todo movimento que o bebê realiza com a boca, faz com que as superfícies dessa articulação entrem em contato e se desgastem, se modelando.

Esse desgaste será responsável pela facilidade dos futuros movimentos da boca, pelo crescimento das arcadas dentárias, com espaço para os dentes, e posição da mandíbula em relação ao crânio, deixando de estar atrás e equilibrando-se com a maxila.

Ele precisa ser igual nas duas ATMs, direita e esquerda, para desse modo, favorecer a mastigação adequada, com a mesma força e intensidade nos dois lados da boca.

Isso irá proporcionar ao bebê simetria facial, facilidade da função mastigatória e fala, com alinhamento dentário, além de correta respiração pelo nariz.

A amamentação é, assim, a real e mais eficiente prevenção odontológica.

E amamentação não é aleitamento com mamadeira. É peito e só.

A dinâmica muscular da mandíbula durante o aleitamento na mamadeira é totalmente diferente. Essa diferença faz com que, aos poucos, o bebê largue o peito, deixando de receber os estímulos necessários para se desenvolver corretamente.

As chupetas e mamadeiras, mesmo as ditas ortodônticas, não reproduzem nem de longe os movimentos que a mandíbula necessita realizar durante a alimentação no peito materno.

Sendo assim, proporcionam um desgaste inadequado das superfícies das ATMs, comprometendo seu funcionamento. Pode-se afirmar que prejudicam diretamente o desenvolvimento dos bebês em muitos sentidos. Prejuízo que irá acompanhá-los pela vida toda.

Ambas chupetas e mamadeiras são absolutamente desnecessárias.

Na ausência materna, o bebê pode e deve ser alimentado com leite humano usando o copinho. Principalmente os recém nascidos. Bebês amamentados em sistema de livre demanda não aceitam chupeta, preferem o peito.

O desmame do bebê deve ser gradativo, aos poucos, sem mamadeira e passando a receber os líquidos no copinho.

As crianças habituadas ao uso de chupetas e mamadeiras devem ser encorajadas no sentido de abandoná-lo o quanto antes. Mas isso nem sempre é simples. Muitos fatores precisam ser avaliados.

O apoio de profissionais experientes como pediatras, dentistas e fonoaudiólogos facilitam o processo. A orientação da família e também escolar contribuem decisivamente para novos hábitos mais saudáveis.

É importante saber que a maioria, senão todas as lesões que acometem a cavidade oral, são desenvolvidas durante nosso primeiro ano de vida.

Contudo, e o mais importante é que todas elas também podem e devem ser evitadas nesse período.

 

 

dra.fvm-rno@bol.com.br

Reabilitação Neuro Oclusal e Ortopedia Funcional dos Maxilares

Rua Haddock Lobo, 846 cj.801, Alpha, Cerqueira César – São Paulo - SP

fone: (11) 3081 0359
 
 


Última atualização: 9/2/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
23 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital